Tema Livre

TRABALHOS APROVADOS > RESUMO

Orientações de enfermagem para redução de ansiedade em pacientes submetidos a implante de marcapasso de urgência: relato de caso

Batista LC, Tanaka PSL, Ribeiro ACB, Silva GSA, Silva NA, Sallai VS, Silva CCB, Ferreira FG, Salvetti MG, Ferretti-Rebustini REL
INSTITUTO DO CORAÇÃO DO HCFMUSP - - SP - BRASIL, ESCOLA DE ENFERMAGEM DA USP - SÃO PAULO - SP - BRASIL

Introdução: O implante de marcapasso (MP) definitivo é o tratamento de escolha, classe I, para o bloqueio atrioventricular total (BAVT). Estudos prévios descrevem a melhora da qualidade de vida e sobrevida destes pacientes com esse tipo de tratamento. O procedimento de implante de MP pode gerar ansiedade nos pacientes e as orientações de enfermagem podem auxiliar na sua redução. O objetivo deste estudo foi relatar o caso de um paciente com BAVT submetido ao implante de MP definitivo de urgência e descrever qual o foco de orientação de enfermagem dadas pelos enfermeiros aos pacientes submetidos ao implante de MP de urgência. Relato de Caso: Homem de 49 anos, sem comorbidades, procurou o pronto atendimento de um hospital universitário relatando cansaço aos moderados esforços associado a fraqueza, tontura e lipotimia há 6 dias. Realizado eletrocardiograma, diagnosticado BAVT e passado MP provisório à beira leito. Transferido no dia seguinte para um serviço especializado em cardiologia, foi submetido a exames laboratoriais e de imagem, à biópsia cardíaca e implante de MP definitivo, com alta hospitalar após 14 dias. Durante o período de internação, o paciente mostrou-se ansioso e com dúvidas sobre o seu quadro clínico e como seria viver com o MP. Foram feitos esclarecimentos sobre o procedimento e orientações de enfermagem com o objetivo de reduzir a ansiedade. As orientações foram: como viver com o MP, adaptações necessárias no estilo de vida e discussão sobre estigmas relacionados ao seu uso. Todas as orientações foram realizadas de maneira gradativa durante a internação até a alta, verbalmente, e consolidadas com a entrega de um manual de orientações. A família também foi envolvida no processo educativo. As estratégias utilizadas resultaram na redução da ansiedade do paciente, antes e após o procedimento, evidenciada pelo relato verbal do paciente e avaliação do enfermeiro. Conclusão: Em pacientes no perioperatório de implante de MP definitivo, o foco das ações de enfermagem deve contemplar: esclarecimento de dúvidas, adaptação do estilo de vida e redução de estigmas.  O enfermeiro deve buscar evidências científicas para subsidiar suas orientações até a alta hospitalar, a fim de viabilizar melhor compreensão ao paciente e família sobre esta nova condição. A falta de pesquisas sobre o impacto das orientações de enfermagem neste grupo de pacientes indica a necessidade de novos estudos e compartilhamento de experiências.

 

 

 

 

Realização e Secretaria Executiva

SOCESP

Organização Científica

SD Eventos

Agência Web

Inteligência Web
SOCESP

XXXVIII Congresso da Sociedade de Cardiologia do Estado de São Paulo

15, 16 e 17 de junho de 2017
Transamerica Expo Center | São Paulo - Brasil